Otimização de Sites-SEO: 10 dicas

SEOOtimização de Sites-SEO: 10 dicas p/ melhorar o ranking do seu site no Google.

Hoje em dia não existe nenhuma empresa que não acredite no potencial que os motores de pesquisa têm para trazer novos clientes para seu site. Todos procuramos no Google, procuramos serviços, notícias, produtos, tudo no mesmo lugar: o Google. Entre os motores de pesquisa atuais, não existe nenhum que se compare ao Google e é lá que todas as empresas precisam de estar para poderem aparecer aos utilizadores do Google.

As SERP do Google já não são só páginas de resultados, as primeiras páginas já são vistas como um local de negócios competitivo e lucrativo, onde quem estiver melhor posicionado terá o maior número de acessos. O Adwords é uma alternativa para anunciar no Google, mas a parte orgânica (não paga) é tão lucrativa, por não devemos descurar o trabalho de otimização do site, o famoso SEO, com estas dicas simples o posicionamento orgânico de seu site irá de certeza melhorar:

10. Tags nas Imagens
Utilize o nome dos ficheiros das imagem para mostrar ao Google o que são aquelas imagens. A tag title também deverá ser utilizada no código. Essas ações fazem com que o Google as “veja e catalogue suas imagens, aumentando a relevância de seu site.

9. Mostre ao Google que seu site existe:
Não deixe de inserir em seu site nas ferramentas que o Google disponibiliza. O Google Analytics, Webmaster Tools, Google Meu Negócio e Google Plus são ferramentas muito úteis para o seu site que também ajudam a melhorar o ranking médio de seu site.

8. Utilize conteúdo original:
O Google adora ler e tem uma ótima memória e não esquece o que foi indexado pelos seus robots. O uso de conteúdo original, não copiado adiciona relevância ao seu site. O conteúdo original é de um elevada importância e ajuda bastante o site a subir posições nas SERP.

7. URLs são muito importantes:
A URL de seu site também é indexada pelos robots do Google.
Não deixe que o google indexe páginas com o endereço “omeusite.pt/pagina1.html”. Estreva nomes relevantes nos endereços. O uso na URL da palavra-chave é uma mais valia.

6. Mapas para o Robot:
Crie o mapa do site para os robots. Os sitemaps dos sites existem para ajudar os robots dos motores de pesquisa a navegar no seu site. Existem inumeras ferramentas e pluggins para a criação de sitemaps. Disponibilize o sitemap em “omeusite.pt/sitemap.xml” para que os robots o consigam ler.

5. Crie a sua presença nas redes sociais:
Os motores de busca também acedem aos conteúdos das redes sociais. Crie um perfil no Facebook, Twitter e Google Plus para a sua empresa e na descrição coloque o link para o seu site. Mantenha estes perfis atualizados com publicações regulares.

4. Sites Responsivos:
O Google percebe quando o site é responsivo, ou seja, quando se ajusta automaticamente às dimensões dos dispositivos do cliente. Sempre que possível deverá programar o seu site para ser exibido corretamente nos smartphones e tablets.

3. Tenha um site leve
O tempo de carregamento do site também é um fator importante no posicionamento nos resultados orgânicos. Otimize o código e todas as imagens. Irá melhorar a navegação ao cliente e melhorar o ranking do site. O Google disponibiliza a ferramenta PageSpeed para verificar o seu site.

2. Fale com os visitantes
Esteja atento e interaja com que está na sua página. Leia os comentários, responda a dúvidas e garanta uma resposta a todos as situações. O visitante não se pode sentir perdido no site. Se o visitante se sentir bem o número de utilizadores que voltam aumentam e o índice de rejeição diminui. Estas métricas também são utilizadas no desempenho do seu site.

1. Hierarquia no conteúdo: Títulos e Subtítulos
Ao construir uma página ou post deixe bem clara a importância do conteúdo. Utilize o
<h1> para o tema principal. Utilize o <h2>, <h3>, … como subtítulos de maneira a criar hierarquia no conteúdo.

Utilize estas dicas e irá assistir a uma melhoria no desempenho orgânico do seu site.